amor · Tempo

Esteja disposto…

Eu já senti aquele frio na barriga e calafrios pelo corpo. Já chorei de saudades e senti o coração quase sair pela boca ao reencontrar a pessoa amada. Eu já passei dias inteiros pensando em um só alguém, sem preocupações, e a todo instante. Já fiquei desde à manhã esperando aquela pessoa que viria somente no finalzinho da tarde, por pura ansiedade. Já dormi sorrindo de felicidades e acordei cheia de emoções por saber que em algum lugar havia alguém que tinha acordado mais cedo só para me desejar um bom dia especial. Ah! Eu já amei, e foi uma experiência magnífica, mas acabou. Eu sempre acreditei no amor, só que aprendi ao longo dos anos que alguns amores não duram “para sempre”, e que “alguns infinitos são maiores que outros”. Sendo assim, por mais que aquele amor tenha chegado ao fim, outros mais belos e intensos chegará. E eu espero que o que vier dessa vez, seja aquele que eu possa chamar de “amor da minha vida”. homemqueteinspire_aterapiadealiceEu não desisti de amar não. É claro que doí perder quem a gente sonhou viver grandes planos juntos, mas isso não pode, jamais, roubar a vontade de amar de novo. Hoje em dia tudo se esvaí com tantas correrias, e olha, se já é difícil amar, imagina amar alguém que nos ama de volta também. Já pensou? Alguém que está ali ao nosso lado e admira em nós o que ninguém mais ver. Mesmo sendo imperfeitos, faz a escolha de ficar conosco todos os dias. Um alguém que sabe decifrar todos os tipos de sorrisos que possuímos. Que rir de nossas piores piadas. Que sabe ser amigo em todas situações. Um alguém que sabe dar boas razões para que gostemos dele e que sabe enxergar a nossa alma. Sim, é difícil por demais nos tornarmos insubstituíveis para outro ou sermos inteiros o suficiente para encher qualquer metade, mas eu não desisti do amor.

É raro, mas não é impossível. Ainda há por aí alguém querendo encontrar quem possa se doar sem receios, e de coragem o bastante para permanecer apesar dos trancos – pois, atualmente, ao menor sinal de desgosto, as pessoas viram as costas e se vão sem se importar com quem fica. Em algum canto desse mundo, eu sei que há quem sabe ouvir e deixar o orgulho para trás, dando voz ao coração. Eu não desisti de amar, e eu tenho sorte por ainda acreditar. Por fim, não dá para deixar o amor de lado só porque alguém não soube te amar em algum momento, que foi meia-boca, não sabendo mergulhar em toda sua intensidade. Por isso, esteja disposto a encontrar alguém para se jogar nos braços sem idealizações desnecessárias, que lhe permita falar de afeto, carinho e todas aquelas coisas clichês, sem medo de parecer cafona. Se permita outra vez e não desisti de amar. O amor sorri para quem sabe se entregar de novo.

Tempo certo
Anúncios

2 comentários em “Esteja disposto…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s