Dedicatoria

Homens, essa é para vocês

Se por acaso você, seja homem ou mulher, é aquele tipo de pessoa que é a favor da libertinagem, que tampouco se importa com os antigos valores e princípios, que se acha os “bonzão” por ter vários parceiros, entre outras coisas, por favor, não dê palpite. Esse texto é para aqueles homens que mesmo vivendo em mundo corrompido, ainda sabe ser cavalheiro, romântico, preservador de bons costumes. Sinto muito dizer para a maioria, mas, a liberdade de sexo em qualquer ocasião retirou o real significado do que é realmente amor. As pessoas se entregam umas as outras somente por prazeres, e se ferem incontáveis vezes por não serem correspondidas em seus relacionamentos. Quer saber algo? O amor não é baseado em prazeres, e sim naquilo que ninguém consegue tocar se não estiver de peito aberto: a alma do outro. Eu admiro, para começo de conversa, os rapazes que sabem conversar. Aqueles que mesmo nessa geração de coisas fúteis, de comunicações medíocres e precárias – falo da gramática também – sabem tratar com jeito e gosto as pessoas. Aqueles que não são educados apenas contigo mulher, mas também com o garçom do restaurante, que pedem bênção para os avós e ainda prezam pela comunhão com os pais. Falo daqueles homens que não tem somente a aparência de homem, mas caráter também. Aqueles que amam a modéstia, mas não crítica quem leva a vida “livre, leve e solta” – só quando a pessoa permiti que lhe deem opiniões quanto ao seu modo vazio de viver sua vida. Admiro aqueles homens que não vivem dizendo “abobrinhas” nas rodas de conversas, entende?! Que sabe levar com todo jeito os seus amigos malucos, e que ainda rir, apesar de todo o estresse do dia, das suas piores piadas. Eu admiro aqueles homens que ainda convidam para jantar sem segundas intenções, que abrem a porta do carro, que dão flores, e muitas vezes sem datas especiais. Admiro aqueles que passa o primeiro, segundo, terceiro e quantos encontros forem precisos para lhe dar o primeiro beijo, por saber que vocês mulheres, assim como eles, preservam os bons costumes ainda. Eu admiro aqueles que sabem ser amigos antes de quererem ser algo a mais. Que são verdadeiros e que sabem reconhecer que apesar do mundo hoje em dia dizer que lugar o da mulher é onde ela deseja estar – e eu concordo – não dispensa os bons cafunés e abraços imprevisíveis nos dias tristes e chorosos que ela se encontra. Aqueles que procuram crescer profissionalmente, espiritualmente, e espera atenciosamente para poder crescer sentimentalmente ao lado de uma pessoa que deseja o mesmo que ele: amor e mais nada, e de preferência, um amor intenso. Falo dos homens que ainda sonham em se casar e construir uma família, que não estará incluso nas porcentagens dos que são infiéis, que sabem que as coisas do coração são de fato coisas sérias, e devem ser regadas e cuidadas como as flores de um belo jardim. Eu admiro os homens que também admiram as mulheres com os mesmos ideais. Que se encantam por sorrisos, que não se importa de esperar o tempo certo para todas coisas, respeitando os espaços, medos, vontades e sonhos. Esse texto é para aqueles que prezam pelo o amor à moda antiga, e não tem vergonha de assumir. E não adianta questionar, eu sei que ainda existem esses, e só conseguem encontrá-los quem caminha nas mesmas trilhas que eles. Não preciso detalhar não é mesmo? Até porque, os detalhes só são vistos por quem olham na mesma direção. Eu admiro os homens que quando ama, se expressam e demonstram da melhor possível que podem, e deixam ciente a mulher que está ao seu lado que esperar por ela valeu muito mais que a pena.

Tempo certo
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s