amizade · Dedicatoria

Apenas bons amigos

Eu estava cansado daquela mesmice em que eu vivia, cansado de estar sozinho apesar de tantas pessoas ao meu redor. Eu sentia falta de conversar com alguém de papos saudáveis, que conseguisse enxergar em mim o melhor que eu pudia ser, e então ela apareceu. De maneira alguma imaginei que se tornaria uma grande amiga. Ela era diferente. Quando a vi pela primeira vez a abracei tão forte como se já a conhecesse há anos, e ela retribuiu. Críamos uma confiança um no outro que quando me dei conta, estava compartilhando com ela meus sonhos e medos. Ela não me julgou, mas me ouviu atentamente; me aconselhou; me orientou, vi nela um anjo enviado por Deus no momento em que mais precisei. Eu estava perdendo a fé nas pessoas, perdendo a fé de encontrar alguém com qualidades incríveis, mesmo possuindo inúmeros defeitos. E ela veio empacotadinha de forma risonha e encantadora.

Nossos encontros e conversas eram só risadas, suas piadas nunca foram tão boas assim, mas cara, você precisava ver a empolgação dela quando descobria coisas novas e a forma a qual vinha me contar todas elas. Era cativante o jeito que falava, como se escondia entre os cabelos e encostava sua cabeça no meu ombro. E apesar de todos os sorrisos que ela me tirava, também me tirou algumas lágrimas, mesmo sem saber. Abri meu coração a ela certa vez, contando de como minha vida amorosa estava de mau a pior, e suas palavras de conforto foram tão intensas e profundas que não pude conter o choro. Aquele final de ano que a encontrei fora um momento turbulento, em uma noite que tudo estava perdido e que meus pais haviam discutidos, eu estive com ela, e seus abraços foram tão acolhedores que meus olhos brilharam, imediatamente quis ir embora, não queria que ela me visse tão vulnerável. É, em todos os momentos ruins, ela esteve junto a mim. Preciosa amiga.

Nunca havia estado com alguém assim, eu desejei levá-la para sempre comigo, era incogitável a ideia de não ficar perto dela. E assim como eu, minha família a adorava. Exemplo de menina, moça e mulher. Brava, só as vezes. Ela exalava simpatia por onde passava. Ela era tão ela que suas dores não foram capazes de tirar o brilho que tinha, pois quando a conheci, uma pessoa havia partido seu coração, mas mesmo assim, continuava a sorrir. Em um dos desabafos que fazíamos para o outro, a vi tão pequena apesar da sua enorme nobreza e delicadeza que a beijei. Depois desse dia vi que as coisas mudaram, um medo se achegou a mim, e eu não soube o que fazer. Os meses se passaram, e minha estupidez me cegou. Aquela menina, moça e mulher era incrível demais para um cara comum como eu. Não sei ao certo onde nos perdemos, mas pouco a pouco nossos contatos foram diminuindo. Ela respeitou minha decisão de se afastar, e assim seguimos, distantes.

Eu queria ter as respostas certas, mas talvez a coisa mais certa a se dizer é que para mim foi assustador ver que tudo quanto eu esperava, acabei encontrando numa semana sem graça, em um final de ano difícil. Encontrar um luz para quem viveu a vida inteira na escuridão é ter medo de ser livre e se perder na ilusão. Não, ela nunca foi daquele tipo de iludir as pessoas, mas eu sempre fui atrapalhado em relação as coisas do coração, e ela era aquela paz em meio ao temporal, capaz de devolver a harmonia ao mundo com apenas um olhar. Apenas bons amigos, tudo que fomos. Eu queria que ela soubesse que esses últimos tempos sem ela não são os mesmos de quando a tinha por perto, e que a promessa de levá-la para sempre ainda continua de pé. Não espero que ela me espere, mas espero que o destino reserve um reencontro, preciso organizar tudo aqui dentro, pois ela merece ser amada incondicionalmente, sem meios termos. Eu sei que ela pensa em mim, e que o amor que deseja nascer em nós irá brotar no tempo certo. Minha eterna amiga, se por acaso você ler este texto, por favor, peço-lhe que entenda que não quero magoa-lá, e por isso almejo ser a pessoa certa para você, pois se for para ser, não importa quando ou onde, vai ser. Te guardarei para sempre em meu coração junto com aquela canção ‘you make me feel brand new’ que um dia lhe enviei e que fez você suspirar. Meu amor, canta comigo a nossa canção, pois somos mais que bons amigos […]

“Sempre que eu estava inseguro, você me levantou e me fez ter certeza

Você deu o meu orgulho de volta para mim, preciosa amiga 

Com você eu sempre terei uma amiga 

Você é alguém com quem eu posso contar 

Para trilhar um caminho que por vezes termina

Como posso retribuir você por ter fé em mim. “

De um amigo para uma amiga. De um coração para outro coração.

Tempo certo

Anúncios

7 comentários em “Apenas bons amigos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s